caças britanicos interceptam 2 avioes russos

Aqui ficam as notícias que irão aparecer na página inicial do site.

Moderadores: ATC, Comandante

Regras do Fórum
Como colocar uma notícia no FSP:
TÍTULO - Colocar um título que descreva o conteúdo da notícia.
IMAGEM - Coloque o link para uma imagem pequena(200x200) ex: [imgfloat=left]http_url_da_imagem_jpg[/imgfloat].
CONTEÚDO - Coloque o conteúdo da Notícia (cerca de 400 caracteres) e se quiser coloque mais algumas imagens.

ATENÇÃO:
O máximo permitido para imagens é de 400px de largura.
Responder
fap22
Capitão
Capitão
Mensagens: 526
Registado: segunda nov 19, 2007 12:00 am

caças britanicos interceptam 2 avioes russos

Mensagem por fap22 » terça jan 22, 2008 11:37 pm

Vários caças da Força Aérea Britânica (Royal Air Force, RAF) interceptaram hoje dois bombardeiros russos que se aproximavam do espaço aéreo do Reino Unido, informou o Ministério da Defesa do país.

Os dois aviões Tu-160 russos foram escoltados por caças britânicos e noruegueses até que se afastassem em direção ao Golfo da Biscaia, onde navios da Marinha russa se encontram atualmente fazendo manobras para testar mísseis estratégicos.

"Quando há aviões militares nos arredores (do espaço aéreo britânico), os controlamos", afirmou um porta-voz do ministério, que acrescentou que a reação dos caças britânicos não foi nada além de uma resposta de "rotina".

Desde julho, a RAF mobilizou em várias ocasiões aviões de guerra para interceptar bombardeiros russos.

Em agosto, o presidente russo, Vladimir Putin, anunciou o reatamento de "forma permanente" dos vôos dos bombardeiros estratégicos russos, suspensos desde 1992.

Estas manobras coincidem com o pior momento das relações entre Londres e Moscou desde a Guerra Fria, devido, em parte, ao assassinato do ex-espião russo Alexander Litvinenko em novembro de 2006 na capital britânica.

A tensão bilateral aumentou na semana passada, quando o Reino Unido precisou fechar duas sedes regionais do British Council - organismo de promoção da cultura britânica - após denunciar uma "campanha de intimidação" por parte das autoridades russas.

O ministro de Assuntos Exteriores britânico, David Miliband, disse que os "reprováveis" atos da Rússia contra o British Council são "uma mancha" em sua reputação internacional


Responder