TUI e Lufthansa negoceiam companhia aérea de baixos custos

Aqui ficam as notícias que irão aparecer na página inicial do site.

Moderadores: ATC, Comandante

Regras do Fórum
Como colocar uma notícia no FSP:
TÍTULO - Colocar um título que descreva o conteúdo da notícia.
IMAGEM - Coloque o link para uma imagem pequena(200x200) ex: [imgfloat=left]http_url_da_imagem_jpg[/imgfloat].
CONTEÚDO - Coloque o conteúdo da Notícia (cerca de 400 caracteres) e se quiser coloque mais algumas imagens.

ATENÇÃO:
O máximo permitido para imagens é de 400px de largura.
Responder
fap22
Capitão
Capitão
Mensagens: 526
Registado: segunda nov 19, 2007 12:00 am

TUI e Lufthansa negoceiam companhia aérea de baixos custos

Mensagem por fap22 » terça jan 29, 2008 4:50 pm

Berlim, 29 Jan 2008 (Lusa)- O grupo turístico alemão TUI e a companhia Lufthansa abriram negociações para fundar em conjunto uma companhia aérea de baixos custos, anunciou hoje a TUI Travel, filial do número um europeu do turismo.

tamanho da letra ajuda áudio
enviar artigo
imprimir
Os dois parceiros assinaram uma carta de intenções, segundo a TUI Travel, nascida da fusão das actividades de turismo da TUI e da sociedade britânica First Choice.

O projecto prevê a fusão das companhias aéreas TUI Travel, Hapag-Lloyd e Hapag-Lloyd Express, operadas em conjunto sob a marca TUIfly, com as da Lufthansa: Germanwings e Eurowings, segundo um comunicado.

Um terceiro parceiro está previsto: Albrecht Knauf, accionista com a Lufthansa da Germanwings e Eurowings.

Segundo a imprensa alemã, as marcas Germanwings e TUIfly devem, no entanto, continuar a existir.

De acordo com os jornais, a TUI e a Lufthansa deteriam cada uma 40 por cento da nova sociedade, ficando o resto para a Knauf.

Este projecto vem fazer concorrência à companhia de baixo custo Air Berlin, número dois na Alemanha, a seguir à companhia regular Lufthansa, e que conhece um crescimento impressionante.

A bolsa reagiu em alta a esta notícia. Por volta da 8:30, a TUI liderava as subidas do Dax, o principal índice da bolsa de Frankfurt, com uma subida de 3,70 por cento para 14,57 euros, e a Lufthansa ganhava 1,98 por cento para 16,46 euros.


Responder